Habitat Brasil recebe menção honrosa da União Europeia

Share this

O Prêmio 2020 de Direitos Humanos da União Europeia reconhece projetos de organizações brasileiras que se dedicaram à proteção de grupos vulneráveis durante a pandemia

Na última sexta-feira (15), a Habitat para a Humanidade Brasil recebeu uma menção honrosa do Prêmio 2020 de Direitos Humanos da UE (União Europeia) pelos projetos realizados em prol de diminuir os impactos da COVID-19 nas periferias.

A edição deste ano faz parte das comemorações do 75° aniversário da fundação da ONU (Nações Unidas) em 1945 e foi dedicada ao tema “Juntos para a proteção e defesa dos direitos humanos em tempos de pandemia de coronavírus”. 

Com essa iniciativa, a UE, junto às Embaixadas dos seus Estados Membros no Brasil, procura reconhecer, incentivar e dar visibilidade a projetos emblemáticos em andamento realizado por Organizações da Sociedade Civil brasileira, com foco na proteção e defesa dos direitos dos grupos vulneráveis mais atingidos pela pandemia e por  seus efeitos colaterais.

“Essa menção honrosa nos enche de orgulho e sinaliza que estamos no caminho certo. Contar com uma rede de parceiros e doadores fez a diferença no apoio emergencial que prestamos às famílias mais pobres e na incidência política que buscamos fazer. É preciso somar esforços em diversos níveis para garantir direitos humanos no Brasil”,  declara Socorro Leite, diretora-executiva da Habitat Brasil. 

Tornar uma moradia precária em um local digno e seguro é salvar vidas. Essa é a missão da Habitat Brasil. A falta de acesso à água, saneamento e infraestrutura ameaça vidas nas periferias e viola a Declaração Universal dos Direitos Humanos. Em 2021 continuamos comprometidos em trabalhar duro para garantir o mínimo de proteção para quem mais precisa.